Portal Livramento

Portal Livramento

Embasa reafirma qualidade da água fornecida em Livramento de Nossa Senhora

Quinta 08 Nov 2018 - 08h22




Embasa reafirma qualidade da água fornecida em Livramento de Nossa Senhora

A Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) contesta veementemente a informação divulgada na imprensa de Livramento de Nossa Senhora a partir de depoimento irresponsável e leviano de um vereador do município. A empresa reafirma e garante a procedência da água fornecida pelo Sistema de Abastecimento local, uma vez que a água é submetida a rigoroso tratamento e controle de qualidade nos laboratórios da empresa.

Os resultados dos laudos dos exames que atestam a qualidade da água e o atendimento aos parâmetros de potabilidade estabelecidos na Portaria 2914/2011 do Ministério da Saúde, que determina os índices de cor, turbidez, cloro residual e bacteriológico, são documentos públicos e à disposição da comunidade. A Embasa ressalta, ainda, que a Vigilância Sanitária do Município e a Diretoria de Vigilância Sanitária Ambiental também fazem suas próprias coletas e análises para verificação do cumprimento das exigências do Ministério da Saúde.

O desabastecimento ocorrido no início da semana passada foi ocasionado por problemas operacionais em função da alteração do estado físico e da coloração da água bruta causada pelas chuvas que restringiram momentaneamente o funcionamento da Estação de Tratamento.  Aliado a este problema, o manancial de captação de água bruta para tratamento foi desviado ilegalmente, ampliando o período de desabastecimento. Desde a quarta-feira (31 de outubro) o abastecimento foi retomado em Livramento e regularizado completamente no final de semana.

Quanto à insinuação do surto de diarréia registrado no início deste ano no município, a Embasa lembra que os laudos das análises de água deram negativo para os itens bacteriológicos, entre eles, coliformes fecais, e que o surto foi causado por uma virose que acometeu, inclusive, pessoas residentes em localidades rurais não atendidas pelas redes desta concessionária. Como ficou comprovado, o caso não teve nenhuma relação com a água consumida pela população livramentense.

Por fim, a Embasa lembra que o efluente descartado no rio Brumado, no município de Rio de Contas, após passar por tratamento, atende aos parâmetros de qualidade determinados pela Resolução 430/2011 do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama). 

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.