Portal Livramento

Portal Livramento

Resultado da busca pela categoria "educação"

OAB Nacional repudia decisão do TJ-BA de restringir atendimento a advogados

Segunda 29 Abr 2019 - 07h31




OAB Nacional repudia decisão do TJ-BA de restringir atendimento a advogados

O presidente nacional em exercício da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Luiz Viana, afirmou que foi surpreendido com a decisão do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), de aprovar uma resolução que limita o atendimento de advogados nas unidades judiciais do estado. “Isso é um absurdo, viola a nossas prerrogativas. Estaremos ao lado da OAB-BA nessa luta. Nossas prerrogativas são inegociáveis”, afirmou Luiz Viana.

A Comissão Nacional de Defesa das Prerrogativas e Valorização da Advocacia do Conselho Federal da OAB também repudiou, por meio de nota pública, a resolução, por entender que ela estringe ilegalmente o acesso dos advogados e advogadas aos magistrados. O presidente da Comissão Nacional de Defesa das Prerrogativas e Valorização da Advocacia, Alexandre Ogusuku, reitera que “advogado é inviolável em seu exercício profissional e, por isso, é seu direito ingressar livremente nas salas de sessões dos tribunais e gabinetes de juízes, mesmo além dos cancelos que separam a parte reservada aos magistrados. O Conselho Federal da OAB está solidário à OAB-BA para adotar todas as medidas legais com objetivo de afastar a ilegal e inconstitucional resolução”, afirma Alexandre Ogusuku.

O presidente da OAB-BA, Fabrício de Castro Oliveira, também se manifestou sobre o caso, lamentando profundamente o ato arbitrário do TJ-BA. “Não há hierarquia entre magistrados e advogados. O atendimento da advocacia pelos magistrados não é um favor, mas sim um dever legal. Vamos adotar todas as medidas cabíveis para garantir o direito da advocacia ao atendimento”, afirmou o presidente da OAB-BA.

 

Fonte - BN

Conselho Federal da OAB repudia resolução do TJ-BA que restringe acesso de advogados aos magistrados

Sexta 26 Abr 2019 - 07h46




Conselho Federal da OAB repudia resolução do TJ-BA que restringe acesso de advogados aos magistrados

A Comissão Nacional de Defesa das Prerrogativas e Valorização da Advocacia do Conselho Federal da OAB repudia, por meio de Nota Pública, a decisão do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJ-BA) que restringe ilegalmente o acesso dos advogados e advogadas aos magistrados.

A Resolução Nº 8/2019 do TJ-BA foi divulgada na manhã da última quarta-feira (24). Sob o pretexto de normatizar o atendimento aos advogados pelos juízes, a norma acaba por restringir de maneira ilegal o acesso de advogados aos juízes, ferindo as prerrogativas das advogadas e advogados que militam na corte.

O presidente em exercício da OAB Nacional, Luiz Viana, afirmou que foi surpreendido pela decisão da corte e classificou a resolução como absurda. “Recebo com surpresa essa a decisão do TJ-BA que limita o acesso das advogadas e dos advogados aos estabelecimentos judiciários. Isso é um absurdo, viola a nossas prerrogativas. Estaremos ao lado da OAB-BA nessa luta. Nossas prerrogativas são inegociáveis”, afirmou Luiz Viana.

O presidente da Comissão Nacional de Defesa das Prerrogativas e Valorização da Advocacia, Alexandre Ogusuku, reitera que “advogado é inviolável em seu exercício profissional e, por isso, é seu direito ingressar livremente nas salas de sessões dos tribunais e gabinetes de juízes, mesmo além dos cancelos que separam a parte reservada aos magistrados. O Conselho Federal da OAB está solidário à OAB-BA para adotar todas as medidas legais com objetivo de afastar a ilegal e inconstitucional resolução”, afirma Alexandre Ogusuku.

O presidente da OAB-BA, Fabrício de Castro Oliveira, também se manifestou sobre o caso, lamentando profundamente o ato arbitrário do TJ-BA. “Não há hierarquia entre magistrados e advogados. O atendimento da advocacia pelos magistrados não é um favor, mas sim um dever legal. Vamos adotar todas as medidas cabíveis para garantir o direito da advocacia ao atendimento”, afirmou o presidente da OAB-BA.

Confira abaixo a íntegra da Nota Pública da Comissão Nacional de Defesa das Prerrogativas e Valorização da Advocacia.

Nota Pública

O Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, por meio de sua Comissão Nacional de Defesa das Prerrogativas e Valorização da Advocacia, diante da Resolução Nº 8 do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJ-BA) divulgada na manhã da última quarta-feira (24/04), vem a público se manifestar nos seguintes termos:

1 – Ratifica na íntegra a nota da Seccional da OAB da Bahia de repúdio à Resolução n. 8/2014 do TJ/BA, ilegal e inconstitucional.

2 – As Regras internas dos Tribunais não podem se sobrepor à normas primárias vigente, nem muito menos violar quem é, pela Constituição Federal, considerado indispensável à administração da Justiça.

3 – O advogado é inviolável em seu exercício profissional e, por isso, é seu direito ingressar livremente nas salas de sessões dos tribunais e gabinetes de juízes, mesmo além dos cancelos que separam a parte reservada aos magistrados.

4 – O acesso do advogado ao magistrado não pode ser condicionado a prévia autorização deste último. A jurisprudência dos tribunais superiores é farta em afastar tentativas dos Tribunais em impedir ou dificultar o acesso do advogado aos Juízes no exercício profissional (STJ, RMS 1.275).

5 – Reafirmando o compromisso de defender intransigentemente as prerrogativas profissionais o CFOAB está solidário à OAB da Bahia e com disposição para, conjuntamente, adotar todas as medidas legais para afastar a ilegal e inconstitucional Resolução nº 8/2019 do TJ/BA.

 

Fonte - 

CONFIRA AS NOVIDADES PARA O DIA DAS MÃES NA REAL CALÇADOS

Sexta 26 Abr 2019 - 07h29




CONFIRA AS NOVIDADES PARA O DIA DAS MÃES NA REAL CALÇADOS

A Real Calçados de Livramento de Nossa Senhora espera seus clientes para fazer suas compras do dia Das Mães  na loja mais completa da cidade e região, na linha de calçados e acessórios. A Real fica localizada na Av. Dr. Edilson Pontes, nº 156, Centro e funciona na semana das 7:30 às 19:00 horas e nos sábados das 7:30 às 15:00 horas. A Real Calçados tem crediário próprio e facilitado, tudo em 10x sem juros para você e toda família. Na Real sua mãe é uma rainha!

Mega-Sena acumula pela 10ª vez e pode pagar R$ 105 milhões no sábado

Quinta 25 Abr 2019 - 07h59




Mega-Sena acumula pela 10ª vez e pode pagar R$ 105 milhões no sábado

O sorteio da Mega-Sena, realizado nesta quarta-feira (24), terminou sem um acertador das seis dezenas, que pudesse levar o prêmio máximo, que estava estimado em R$ 90 milhões.  Com isso, o valor  a ser pago no próximo sorteio, marcado para sábado (27) pode chegar a R$ 105 milhões. Caso o prêmio saia, esse será o maior valor pago pela Mega-Sena neste ano.

As dezenas sorteadas pela Caixa foram: 06 - 08 - 28 - 51 - 53 - 59.

De acordo com a Caixa, 115 apostas acertaram cinco números. Cada uma vai levar o prêmio de R$ 55.420,70. Além desses, outros 10.504 apostadores acertaram quatro dezenas e devem receber R$ 866,79, cada.

Esta é a 10ª vez consecutiva que o prêmio máximo da Mega-Sena acumula. A última vez que um sortudo levou para casa o prêmio da principal loteria brasileira foi no dia 20 de março. Na ocasião, um apostador de Salvador, na Bahia, levou um prêmio de R$ 32.689.083,52.

 

Fonte - NSCtotal

 

 

TRE-BA convocará 2,9 milhões de eleitores para fase final de recadastramento biométrico

Quinta 25 Abr 2019 - 07h55




TRE-BA convocará 2,9 milhões de eleitores para fase final de recadastramento biométrico

Um total de 2,9 milhões de eleitores de 281 municípios da Bahia será convocado a fazer o recadastramento biométrico a partir do dia 13 de maio. Segundo o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA), essa é a última fase da biometria que deve ser encerrada antes das eleições de 2020. Neste período, os cidadãos podem fazer o agendamento a partir do dia 6 de maio. O procedimento pode ser presencial, pelo site do TRE-BA ou pelo telefone. O órgão deve indicar em breve os locais para o agendamento presencial.

Para esta última etapa, serão mobilizadas as 108 zonas eleitorais do estado que ainda não concluíram a biometria. Segundo o presidente do TRE-BA, desembargador Jatahy Júnior, o desafio é atender os municípios mais distantes. Para isso, o órgão oferecerá prazo mais longo para aquelas que têm, atualmente, menos de 60% do eleitorado biometrizado. Atualmente, dos mais de 10 milhões de eleitores do estado, 7,5 milhões já fizeram o recadastramento biométrico. 

 

Fonte - Bahia Notícias

Itambé: Homem morre eletrocutado após tentar salvar esposa de choque

Quarta 24 Abr 2019 - 10h56




Itambé: Homem morre eletrocutado após tentar salvar esposa de choque

Um homem de 40 anos morreu eletrocutado após tentar ajudar a esposa que levou um choque ao manusear um liquidificador industrial, no município de Itambé, no sudoeste da Bahia, na segunda-feira (22).

Segundo o G1, a vítima, identificada como João Garcia dos Santos Filho, recebeu uma descarga elétrica ao encostar no liquidificador, quando tentou puxar a esposa que havia levado um choque.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi até o local. A esposa de João, que não teve a identidade revelada, foi socorrida e encaminhada para o Hospital Regional São Sebastião. Ela foi atendida e liberada na segunda.

O corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Itapetinga. A Polícia Civil investiga o caso.

 

Fonte - Bahia Notícias

Presidente da AL-BA defende Rui da insatisfação de aliados

Quarta 24 Abr 2019 - 10h52




Presidente da AL-BA defende Rui da insatisfação de aliados

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), Nelson Leal (PP), minimizou as reclamações de aliados quanto à agenda restrita do governador Rui Costa (PT), que pouco estaria ouvindo e atendendo a bancada governista.

Ao Bahia Notícias, o progressista afirmou ter um diálogo com o governador no sentido de apaziguar as partes. “Acho que o governo está passando por um processo conclusão de sua composição e obviamente nós temos já conversado, no sentido de abrir mais espaço para os parlamentares poderem levar suas reivindicações e também apresentar as suas bases políticas”, explicou.

Leal descreveu sua rotina diária como exemplo de defesa à agenda do governador. “Acho que nesse começo de governo, quando você tenta fazer uma agenda no interior e também uma agenda administrativa, o dia passa com muita rapidez. Eu chego todos os dias na Assembleia às 8h30, 9h. Nunca saí antes de 10 da noite. Atendendo as pessoas, procurando ter ciência do que acontece na casa... É uma agenda pesada. Tenho certeza que a do governador deve ser na mesma situação”, finalizou.

 

Fonte - Bahia Notícias

LIVRAMENTENSE WANDERLEY MEIRA ASSUME DIREÇÃO DO BALÉ DO TEATRO CASTRO ALVES

Terça 23 Abr 2019 - 10h21




LIVRAMENTENSE WANDERLEY MEIRA ASSUME DIREÇÃO DO BALÉ DO TEATRO CASTRO ALVES

Companhia oficial de dança da Bahia, corpo estável mantido pelo Teatro Castro Alves (TCA), Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb) e Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA), o Balé Teatro Castro Alves (BTCA) está sob nova direção artística. Foi nomeado hoje (23/04) o produtor, diretor, ator e gestor Wanderley Meira para assumir a tarefa.

Wanderley vinha, desde 2017, respondendo pela coordenação de Teatro no âmbito da Funceb, desenvolvendo as políticas públicas estaduais deste setor. Esta expertise na gestão pública o habilita a um pensamento macro a respeito das práticas e desafios de manter em excelência a atuação do BTCA, uma entidade também pública. Seu posicionamento é de conduzir este processo de modo coletivo com dançarinos e servidores, construindo uma proposição artística de planejamento estratégico a partir de anseios conjuntos. “O trabalho será para ampliar e fortalecer a relação da companhia com a cidade e com o estado, pensando em uma companhia que tem a força da representação da Bahia, que dialoga com a dança e com as demais artes do nosso estado para chegar ao mundo”, diz Meira. Ele ocupa a vaga deixada por Antrifo Sanches, que esteve no cargo desde 2015.

Na formação artística, Wanderley é licenciado em Letras Vernáculas pela Universidade Católica do Salvador (UCSal), mas construiu sua carreira profissional nas artes cênicas. Iniciou-se como ator em Curso de Manoel Lopes Pontes em 1994 e trabalhou em diversas montagens, com nomes marcantes da cena local, como Harildo Déda, Fernando Guerreiro, João Sanches, Nadja Turenkko, Gil Vicente Tavares e Rino Carvalho.

“Para nós é uma oportunidade de repensar o lugar e os caminhos a trilhar pelo Balé na direção da nossa Visão institucional, que é a de estar presente em mais municípios do interior do estado e estreitar a relação entre a Cia e a sociedade", enfatiza a diretora geral da Funceb, Renata Dias.

 

Fonte - Fundaçaocultural-ba

BIOMETRIA: ATENDIMENTO NO CARTÓRIO ELEITORAL DE LIVRAMENTO SERÁ VIA AGENDAMENTO ELETRÔNICO

Terça 23 Abr 2019 - 08h55




BIOMETRIA: ATENDIMENTO NO CARTÓRIO ELEITORAL DE LIVRAMENTO SERÁ VIA AGENDAMENTO ELETRÔNICO

Os eleitores da 101ª Zona Eleitoral, que abarca os municípios de Livramento de Nossa Senhora, Dom Basílio, Rio de Contas e Jussiape terão até o dia 20/02/2020 para realizar o recadastramento biométrico, que é obrigatório no Estado da Bahia. O Cartório Eleitoral informa que a partir de 13 de maio de 2019, o atendimento será realizado somente mediante agendamento eletrônico pelo site agendamento.tre-ba.jus.br. A partir do dia 06 de maio os eleitores já poderão realizar o agendamento e evitar filas. Só poderá votar nas eleições municipais de 2020, na Bahia, os eleitores que fizeram o cadastro biométrico.

PRF-BA registra 8 mortes em feriado da Semana Santa em estradas federais da Bahia

Terça 23 Abr 2019 - 08h27




PRF-BA registra 8 mortes em feriado da Semana Santa em estradas federais da Bahia

Oito pessoas vieram a óbito em estradas federais da Bahia durante o feriado da Semana Santa deste ano. Em relação ao ano passado, os óbitos foram reduzidos em 27%, segundo dados divulgados nesta segunda-feira (22) da Operação Semana Santa pela Polícia Rodoviária Federal (PRF-BA). Já o número de feridos aumentou em relação a 2018. Neste ano, foram 62 feridos contra 53 do ano passado, acréscimo de 17%.

No número total de acidentes, a PRF na Bahia registrou redução de 25%, com 39 neste ano ante 52 em 2018. Destes, 14 foram acidentes graves, quando resultam em, pelo menos, um óbito ou ferido gravemente, número que representa diminuição de 18% em relação ao mesmo período do ano passado. A Operação Semana Santa foi encerrada às 23h59 deste domingo (21).

Ainda segundo a PRF-BA, o feriado de Páscoa é a segunda operação de maior fluxo de veículos nas rodovias baianas, atrás, apenas do São João.

 

Fonte - PRF/BA

Ediene Lousado recomenda promotores de Justiça a investigarem festas juninas na Bahia

Terça 23 Abr 2019 - 08h15




Ediene Lousado recomenda promotores de Justiça a investigarem festas juninas na Bahia

A procuradora-geral de Justiça da Bahia, Ediene Lousado, recomendou aos promotores de Justiça que instaurem procedimentos para verificar gastos desarrazoados nas festas juninas realizadas no estado. Ela pede que os promotores observem se os festejos organizados pelas prefeituras ocorrerão com respeito aos princípios da legalidade, publicidade, impessoalidade, eficiência e moralidade administrativa. Ainda recomendou que seja verificada a utilização de verbas de patrocínios e que requisitem informações e documentos no período.

A procuradora ainda afirma que, “caso surjam indícios da participação de agentes com prerrogativa de foro” junto ao Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), em infrações atinentes ao objeto da presente recomendação, os promotores encaminhem as informações para a Procuradoria Geral de Justiça. As recomendações são baseadas na Constituição Federal, que define que os festejos juninos “são manifestações culturais de alta significação popular, contando com a proteção estatal”. A recomendação indica que o apoio do Poder Público deve “respeitar o direito fundamental dos cidadãos à boa administração, que deflui dos princípios da legalidade, publicidade, impessoalidade, eficiência e moralidade administrativa”. Além do mais, considera a situação de recessão econômica do país e o papel do Ministério Público. A chefe do MP baiano reforça que a contratação de serviços pelo Poder Público deve ser precedida de licitação e que a dispensa é de caráter excepcional.

 

Fonte - Bahia Notícias

271 cidades da Bahia têm água contaminada por agrotóxicos; Livramento incluída

Segunda 22 Abr 2019 - 08h19




271 cidades da Bahia têm água contaminada por agrotóxicos; Livramento incluída

Testes realizados pelas empresas de abastecimento de municípios brasileiros mostram que quatro cidades da Bahia consomem um perigoso coquetel com 27 agrotóxicos encontrados na água utilizada pela população. Mucugê, na Chapada Diamantina, Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), Itapetinga, Centro Sul, e São Félix do Coribe, no Oeste, estão no topo de uma lista de 271 municípios baianos (veja lista no final da matéria) em que se encontrou pelo menos um agrotóxico na água que abastece as torneiras das cidades.

Obtidos em uma investigação conjunta pela ONG Repórter Brasil, da Agência Pública e da organização suíça Public Eye, os dados dizem respeito ao período entre 2014 e 2017. As informações são parte do Sistema de Informação de Vigilância da Qualidade da Água para Consumo Humano (Sisagua) do Ministério da Saúde. O estudo detectou em 1.396 municípios no país todos os 27 pesticidas.

No caso de Mucugê, o CORREIO apurou que o número elevado de agrotóxicos na água pode ter relação direta com as plantações de batata, morango e tomate na região. Moradores, biólogos, profissionais de saúde do município e até agricultores confirmam o problema e começam a ver os reflexos na população.

“Aqui tem fazendas grandes com plantações que consomem muito agrotóxico. Contamina solo, lençol freático, água para consumo residencial. A gente vê muita gente com alteração de hormônio, tireoide, muita gente hipertensa e diabética. É difícil comprovar que isso tem relação com o consumo da água, mas que se usa muito agrotóxico na região, com certeza”, disse um especialista na área de saúde de Mucugê, que preferiu não se identificar.

Biólogo e agricultor de Mucugê, Osório Neto diz que a batata, cultura número um da região, junto com as demais, compromete a qualidade da água há muito tempo. “Na realidade os três municípios vizinhos são contaminados com agrotóxicos: Mucugê, Ibicoara e Barra da Estiva. Os agrotóxicos que se usam em batata tem uma concentração maior de agrotóxicos. Isso há muito tempo tá assim. Demorou de estourar”, afirma Osório. 

Por outro lado, o próprio Osório, que é agricultor, garante que usa agrotóxicos ecologicamente corretos, específicos para cada cultura. E observa que o uso desses químicos em plantações está reduzindo. “Os próprios agricultores resolveram mudar isso. As fazendas e grandes empresas deixaram de usar produtos altamente tóxicos, passaram a usar moderadamente e agora estão partindo para outro estágio, como fazer rotação de culturas e usar sementes resistentes”, observa.

Mas, admite Osório, ainda vai levar muito tempo para que o solo contaminado de Mucugê se livre dos resíduos dos agentes contaminadores. “Os agrotóxicos altamente pesados foram retirados de combate há mais de dez anos. Tinham dois inseticidas aqui que eram terríveis. Eram faixa vermelha. Depois usaram faixa amarela e agora estão usando material resistente. Acontece que os resíduos que ficaram no solo levam décadas para se dissolver”, acredita o biólogo.

A Estação de Tratamento de Água de Mucugê é de responsabilidade do município. Segundo Edna Moura, bióloga da vigilância sanitária de Mucugê, o município tem a obrigação de fazer coleta de duas amostras de água ao ano, como manda a portaria 2914/2011 – no caso de cidades com menos de 10 mil habitantes, o que não tem ocorrido.

Edna diz que a vigilância tem enviado por conta própria amostras para o Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), do Governo do Estado. No ano passado, porém, das quatro análises enviadas para o laboratório, Mucugê só teve acesso ao resultado de uma, que não identificou alteração.

Para Edna, é preciso refazer sempre as análises e cobrar do Lacen que divulgue os resultados. Inclusive, 15 dias atrás, novas amostras para analisar agrotóxicos foram enviadas para laboratório. “O resultado mais recente que eu tenho, que foi do ano passado, deu normal, dentro dos parâmetros. Mas, é preciso refazer essas análises”, diz Edna. “Sabemos que estamos em uma região com grandes plantações de batata, de morango e não podemos descartar contaminação. Essa temática está muito complexa e se coloca atualmente na Bahia inteira", argumenta.

O que assusta é a possibilidade de os males trazidos pelos agrotóxicos estarem agindo de forma silenciosa nas populações, sem que se saiba a origem do problema. “Aqui em Mucugê dificilmente você vê alguém dizer que uma alergia ou qualquer outra doença é fruto do consumo de água com agrotóxico. Claro, tem gente que faz essa ligação. Mas, nunca vi ninguém dizer que vai procurar indenização de alguma empresa por conta disso, por exemplo”, diz o biólogo Osório Neto.

O farmacêutico bioquímico responsável pelo sistema de tratamento de Mucugê, Luciano Guedes, questionou a credibilidade da pesquisa e destacou que o procedimento realizado na cidade é o padrão.

"Seguimos rigorosamente todos os critérios estabelecidos. Trabalhamos diuturnamente. Testes de controle interno são feitos a cada duas horas e mensalmente a água é passada por testes, com amostras enviadas ao Lacen e ao laboratório vinculado ao município", disse Luciano.

Para discutir o assunto, a Câmara dos Vereadores da cidade receberá nessa segunda-feira (22) uma reunião entre membros da prefeitura, vigilância sanitária e entidades do meio ambiente para discutir soluções acerca do resultado obtido pelo estudo.

"Temos que fazer análises para ter certeza que a pesquisa fala a verdade. Faremos testes padrões para avaliar isso. O nosso levantamento, no entanto, não encontrou a presença de nenhum agrotóxico", disse o farmacêutico.

 

Fonte - Correio24horas

Conta de luz fica em média 6,22% mais cara na Bahia a partir desta segunda (22)

Segunda 22 Abr 2019 - 07h43




Conta de luz fica em média 6,22% mais cara na Bahia a partir desta segunda (22)

Atenção, consumidores! A partir desta segunda-feira (22) a conta de luz na Bahia ficará mais cara. A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), responsável pela regulamentação do setor elétrico no país, autorizou na última  terça-feira (16) um reajuste médio de 6,22% nas tarifas de energia elétrica para a Bahia. A taxa está acima da inflação oficial do país (IPCA - Índice de preços ao Consumidor) em 2018, que foi de 3,75%.

Os novos valores entram vigor a partir do dia 22 de abril   para os cerca de seis milhões de clientes da Coelba. O consumidor só irá perceber essa variação, de forma mais significativa, nas faturas recebidas a partir de maio.
 
Para os clientes atendidos em baixa tensão, que inclui os clientes residenciais, o reajuste médio será de 6,67%. Já os clientes atendidos em alta tensão, como indústrias e comércio de médio e grande porte, o reajuste será de 5,09%.
 
Para definição da tarifa de energia, a ANEEL também considera diversos fatores: os custos com encargos setoriais representam 7,7% do total da conta média de energia; tributos (ICMS/PIS/COFINS) 27,1%; despesas com a compra da energia 31,3%; transmissão da energia 5,5%; e custos de operação, manutenção, expansão do sistema, administração do serviço e remuneração dos investimentos 28,4%.

A ANEEL também definiu ontem os reajustes para as tarifas de energia nos estados de Sergipe, Rio Grande do Norte e Ceará. Para os consumidores sergipanos, atendidos pela distribuidora Energisa Sergipe, o reajuste médio para os consumidores residenciais será de 3,04%. Para os atendidos na baixa tensão, tanto comerciais, quanto residenciais, o reajuste será de 3,33%. Para os da alta tensão, será de 1,84%. A empresa atende 778,9 mil unidades consumidoras localizadas em 62 municípios do estado.

Já o reajuste dos consumidores da Companhia Energética do Rio Grande do Norte (Cosern), terá efeito médio de 4,73%. A concessionária atende 1,4 milhão de unidades consumidoras localizadas em 167 municípios do estado.

No Ceará o reajuste será de 7,87% para os consumidores  de alta tensão e de 8,35% para os atendidos por baixa tensão.  O estado é atendido pela concessionária Enel.

 

Fonte - Correio24horas

 

Gasolina em Guanambi, Caetité, Brumado e Livramento estão entre as mais caras do Estado

Segunda 22 Abr 2019 - 07h33




Gasolina em Guanambi, Caetité, Brumado e Livramento estão entre as mais caras do Estado

Desde que interrompeu a trajetória de queda de preço, a gasolina em Guanambi já teve alta de 4%. No início de março, o produto custava em média R$ 4,61 o litro, de acordo com a última pesquisa da Agência Nacional do Petróleo (ANP), o combustível atingiu o valor médio de R$ 4,80. Em relação à semana anterior o alta foi de R$ 0,10 por litro, ou 2,2%. A gasolina pode ser encontrada ao valor mínimo de R$ 4,69 e máximo de R$ 4,89. As distribuidoras repassaram as últimas cargas aos postos por preço médio de R$ 4,08, que revendem com margem média de R$ 0,72 por litro, ou 17,5%. Foram pesquisados os preços em dez postos autorizados pela ANP. Guanambi passou a ser a sexta cidade no Estado com gasolina mais alta, entre as 30 pesquisadas.  Na vizinha Caetité a realidade é bem parecida, o município tem a sétima gasolina mais cara da Bahia. A alta em Caetité foi de R$ 0,11 por litro, ou 2,3%, em relação à semana anterior, o litro que custava em média R$ 4,647, agora custa em média R$ 4,756. A gasolina mais barata da cidade custa R$ 4,59, enquanto a mais cara chega a R$ 4,85. Foram pesquisados sete postos na cidade, desde 23 de março nenhum deles informou o valor médio de compra dos combustíveis. O último levantamento que mostrou o preço de compra indicou a margem praticada pelos postos de R$ 0,90 por litro, quase 24%. Cidades do Sul e Centro-Sul Baiano têm os preços mais altos do Estado Porto Seguro, no Sul-Baiano, continua liderando as estatísticas de preço alto no Estado, o combustível na cidade litorânea custa em média R$ 5,041, variando entre R$ 4,99 e R$ 5,13. Brumado assumiu a segunda colocação com gasolina custando em média R$ 4,866, seguida por Ilhéus, R$ 4,857, Livramento de Nossa Senhora, R$ 4,845 e Eunápolis, R$ 4,814. Guanambi e Caetité vêm na sequência. Do outro lado da tabela, Feira de Santana, no Recôncavo, ocupa o posto de cidade com a gasolina mais barata do Estado. Lá o produto custa em média R$ 4,264, sendo encontrada por até R$ 4,13.

 

Fonte -  agenciasertao.com