Portal Livramento

Portal Livramento

Resultado da busca pelo arquivo de "01/2017"

Justiça negou busca em apartamento de Lúcio Vieira Lima, irmão de Geddel

Sábado 14 Jan 2017 - 10h47




 Justiça negou busca em apartamento de Lúcio Vieira Lima, irmão de Geddel

O juiz Vallisney de Souza Oliveira negou o pedido feito pela Polícia Federal para que fosse feita uma ação de busca e apreensão na residência funcional de Lúcio Vieira Lima, deputado federal (PMDB-BA). Ele é irmão de Geddel Vieira Lima e candidato a vice-presidente da Câmara dos Deputados. No despacho que autorizou a operação Cui Bono, Vallisney autoriza os pedidos de busca em todos os endereços citados pela PF “com exceção do endereço apontado como residência funcional do deputado Lúcio Vieira Lima, em razão de sua prerrogativa de foro, considerando inclusive que Geddel Vieira Lima não ocupa mais cargo público federal em Brasília”.Não há no despacho qualquer outra menção a eventual envolvimento de Lúcio Vieira Lima no esquema.

Geddel e Cunha pediam propina para liberar crédito da caixa

Relatório da Polícia Federal aponta que o ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB-BA) atuava “em prévio e harmônico ajuste” com o ex-presidente da Câmara, deputado cassado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), para facilitar a liberação de empréstimos da Caixa Econômica Federal a empresas e, em troca, receber propina.

Geddel, ex-ministro da Secretaria de Governo de Michel Temer, foi alvo de operação nesta sexta-feira (13), deflagrada para apurar um esquema de fraudes na liberação de créditos junto à Caixa entre 2011 e 2013. Ele foi vice-presidente de Pessoa Jurídica da Caixa no período investigado pela PF. No despacho que autorizou a operação, o juiz Vallisney de Souza Oliveira cita o relatório da PF e a atuação de cada um dos investigados. Além da liberação de créditos da Caixa, as investigações apontam que os dois peemedebistas forneciam informações privilegiadas às empresas e aos outros integrantes do que o Ministério Público Federal chama de “quadrilha”.

“Consta dos autos que, valendo-se do cargo de Vice-Presidente de Pessoa Jurídica da Caixa Econômica Federal, [Geddel Vieira Lima] agia internamente, em prévio e harmônico ajuste com Eduardo Cunha e outros, para beneficiar empresas com liberações de créditos dentro de sua área de alçada e fornecia informações privilegiadas […] para que, com isso, pudessem obter vantagens indevidas junto às empresas beneficiárias dos créditos liberados pela instituição financeira”, diz o documento. O G1 entrou em contato com a assessoria de Geddel Vieira Lima e aguardava uma resposta até a última atualização desta reportagem.

A defesa de Eduardo Cunha informou que não teve acesso até o momento à investigação, mas disse que, desde já, “rechaça veementemente as suspeitas divulgadas. Tão logo tenha acesso à investigação, irá se pronunciar especificamente sobre cada acusação”. De acordo com o juiz, a Polícia Federal aponta que o “grupo criminoso” era formado, além de Geddel e Cunha, pelo ex-vice-presidente da Caixa e delator da Operação Lava Jato Fábio Ferreira Cleto e pelo doleiro Lúcio Funaro, que está preso e é réu na Lava Jato. Ainda de acordo com o relatório da PF e do MPF, entre as empresas beneficiárias de empréstimos da Caixa na área de Geddel Vieira Lima estão a BR Vias, Oeste Sul Empreendimentos Imobiliários, Marfrig, J&F Investimentos, Grupo Bertin e JBS.

“Os elementos de prova colhidos até o presente momento apontam para a existência de uma organização criminosa integrada por empresários brasileiros e agentes públicos que, ocupando altos cargos na Caixa Econômica Federal e no parlamento brasileiro, desviavam de forma reiterada recursos públicos a fim de beneficiarem a si mesmos, por meio do recebimento de vantagens ilícitas, e a empresas e empresários brasileiros, por meio da liberação de créditos e/ou investimentos autorizados pela Caixa Econômica Federal em favor desses particulares”, afirma o MPF no pedido de busca e apreensão.
Versão dos citados na investigação

O G1 entrou em contato com a assessoria de Geddel Vieira Lima e aguardava uma resposta até a última atualização desta reportagem. A defesa de Eduardo Cunha informou que não teve acesso até o momento à investigação, mas disse que, desde já, “rechaça veementemente as suspeitas divulgadas. Tão logo tenha acesso à investigação, irá se pronunciar especificamente sobre cada acusação”. A defesa de Fábio Cleto afirma que ele é “réu colaborador e está colaborando efetivamente e expontaneamente com a Justiça”. Em comunicado, a JBS informou “que não é alvo da operação da Policia Federal deflagrada nesta sexta-feira (13.01)”. O Grupo Bertin foi adquirido pelo frigorífico JBS em 2009 e seu negócios foram incorporados à empresa.

Em nota, a Marfrig disse que não houve “qualquer busca e apreensão em sua sede”. Em nota, a J&F disse que a relação com a Caixa Econômica Federal e com bancos públicos é feita “sempre de forma profissional e na mesma forma de concorrência e tratamento com instituições privadas – ou seja, relações comerciais transparentes, abertas e legais”. Também disse que tem o “máximo interesse” em esclarecer os fatos. “Tais acusações provocam imensos danos às nossas marcas e reputação”, conclui a nota. A Oeste Sul Empreendimentos Imobiliários disse não ter porta-voz disponível para comentar a questão. Em nota, a Caixa disse que “está em contato permanente com as autoridades, prestando irrestrita colaboração com as investigações”. O G1 aguardava retorno da BR Vias e de Lúcio Funaro até a última atualização desta reportagem. // G1 . Lauro Jardim.

Futebol Arte de Livramento tem início dia 21 de Janeiro no Clube Beira Rio

Sábado 14 Jan 2017 - 10h42




Futebol Arte de Livramento tem início dia 21 de Janeiro no Clube Beira Rio

O Futebol Arte de Livramento já tem data marcada para começar. Será no próximo sábado dia 21 de janeiro de 2017 a partir das 18 horas no Clube Beira Rio. Com uma Premiação de mais de R$ 4.000,00 (Quatro Mil Reais) 12 equipes duelarão durante 3 meses  em busca do título de Campeão. Você torcedor amigo está convidado para acompanhar de perto todas as emoções deste sensacional Campeonato de Futebol. Venha prestigiar!

Realização: Gabeira Bar
Organização: Rony Castro

Em 13 anos, planeta perdeu quase 1 milhão km² em florestas naturais, indica estudo

Sábado 14 Jan 2017 - 10h37




Em 13 anos, planeta perdeu quase 1 milhão km² em florestas naturais, indica estudo

Um estudo publicado na sexta-feira (13) pela revista científica "Science Advances", indica que o planeta perdeu  919 mil km² de florestas naturais entre os anos de 2000 e 2013, o equivalente a 7,2% da área total. O trabalho do professor de geografia da Universidade de Maryland, nos Estados unidos, Peter Potapov, indica que 60% da redução aconteceu em áreas tropicais. O Brasil é um dos maiores responsáveis pelo desmatamento, com 157 mil km² de perda de ecossistema. O país aparece próximo de Rússia, com 179 mil km², e Canadá, com 142 mil km². Em 37% da área destruída, a causa do desmatamento é a extração de madeira. Em seguida aparece a expansão agrícola, com 27%, e a propagação dos incêndios florestais por causa da construção de infraestrutura, com 21%.

 

Fonte - Bahia Notícias

Com parcelas entre R$ 880 e 1,5 mil, seguro-desemprego sobe mais de 11% em 2016

Sábado 14 Jan 2017 - 10h32




Com parcelas entre R$ 880 e 1,5 mil, seguro-desemprego sobe mais de 11% em 2016

As parcelas do seguro-desemprego foram reajustadas em 11,28%, e os novos valores começam a ser pagos já em janeiro a milhares de pessoas. O benefício assegura ao trabalhador que perdeu o emprego uma renda mínima por período entre três e cinco meses.

Com isso, a parcela mínima do seguro-desemprego será de R$ 880,00 seguindo o reajuste do salário mínimo para 2016. Já a parcela máxima passa de R$ 1.385,91 em vigor em 2015 para R$ 1.542,24 este ano.

O reajuste considerou a inflação de 2015 medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). Os valores a serem pagos são calculados com base em uma fórmula que considera os três últimos salários recebidos pelo trabalhador, e é sobre essa média que é aplicado o reajuste.

Neste ano, o seguro-desemprego deve movimentar R$ 34,7 bilhões em valores a serem transferidos a cerca de 7 milhões de trabalhadores em todo o País, conforme estimativa do Ministério do Trabalho e Previdência Social (MTPS).

“O seguro-desemprego é assegurado a trabalhadores que estão sendo dispensados sem justa causa. Não foi uma decisão de dispensa causada por esses trabalhadores. Foram trabalhadores que, em uma situação de dispensa, viram-se sem salário e, nesse momento, o programa do seguro-desemprego tenta recompor parte da renda deles”, afirmou o diretor do Departamento de Emprego e Salário do MTPS, Márcio Borges.

 

Fonte - Brasil.gov.br

Mãe é presa suspeita de matar filho a facadas e queimar o corpo, por ele ser gay

Sexta 13 Jan 2017 - 08h36




Mãe é presa suspeita de matar filho a facadas e queimar o corpo, por ele ser gay

A intolerância e o preconceito são os principais motivos apontados para a morte do estudante Itaberlly Lozano, 17 anos, que foi encontrado morto no início deste ano na cidade de Cravinhos, em São Paulo.

Segundo a investigação da polícia a mãe do jovem e o padrasto dele foram presos suspeitos de terem executado do rapaz pois não aceitavam o fato dele ser gay. “A mãe dele não aceitava e a gente já desconfiava, porque ela não quis prestar queixa. Acho que a mãe tem que cuidar do filho e não fazer o que ela fez. Ele era um rapaz que trabalhava, era educado, era um menino, mas estava na fase de trabalhador”, disse Dario Rosa, tio de Itaberlly, em entrevista.  Em depoimento, a mãe do jovem, a gerente de supermercado Tatiana Lozano Pereira, de 32 anos, contou que matou o filho a facadas durante uma discussão.
 
Fonte - VCN

Novo Enem: Ministério da Educação abre consulta pública sobre o assunto no dia 18

Sexta 13 Jan 2017 - 08h20




Novo Enem: Ministério da Educação abre consulta pública sobre o assunto no dia 18

O Ministério da Educação (MEC) vai abrir a consulta pública para o novo modelo do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) no próximo dia 18, segundo o ministro da Educação, Mendonça Filho. “Espero uma interação positiva dos estudantes do Brasil, educadores, pesquisadores e todos que possam colaborar com o perfeiçoamento do exame que é patrimônio do Brasil”, disse o ministro em entrevista à imprensa. A intenção é adequar o Enem à reforma do ensino médio, que atualmente está em discussão no Congresso Nacional.

Pela Medida Provisória (MP) 746/2016, parte da carga horária do ensino médio é voltada a um aprendizado comum, definido pela Base Nacional Comum Curricular, que ainda está em discussão; e, na outra parte, o estudante poderá escolher entre cinco itinerários formativos: linguagens; matemática; ciências da natureza; ciências humanas; e formação técnica e profissional.

Algumas possíveis mudanças chegaram a ser debatidas, como a possibilidade de o exame não servir para certificar a conclusão do ensino médio e a exclusão dos treineiros – aqueles que fazem as provas só para testar os conhecimentos. Para eles, em troca, seria aplicado um simulado nacional, em julho, antes do Enem, que ocorre no final do ano.

Uma das possibilidades, proposta por especialistas, é que haja modelos diferentes de Enem, mais direcionados para o que os estudantes aprenderam na etapa de ensino. No final do ano passado, o ministro disse que as questões que serão colocadas na consulta ainda não estavam definidas.

Atualmente, as notas do Enem podem ser usadas para ingressar no ensino superior público pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), no ensino superior privado pelo Programa Universidade para Todos (ProUni) e para obter financiamento pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Além disso, também pode ser usado para obter a certificação do ensino médio. O resultado do Enem de 2016 será divulgado no dia 19 de janeiro. Da Agência Brasil.

Aedes modificados geneticamente nos EUA são resistentes à dengue

Sexta 13 Jan 2017 - 08h03




Aedes modificados geneticamente nos EUA são resistentes à dengue

Cientistas dos Estados Unidos da América modificaram geneticamente o mosquito da dengue, transmissor do Zika vírus, chikungunya e dengue, para que eles não se infectem pela dengue e não transmitem o vírus. A equipe manipulou o Aedes para ativar as proteínas Dome e Hop, que lutam contra o vírus da dengue após a ingestão de sangue 'contaminado' e produzir mas destas proteínas. Os resultados prévios dessa mudança foram: os mosquitos que tinham mais Dome tiveram 78,18% menos cópias do vírus da dengue em suas entranhas; os com mais Hop tiveram uma queda de 83,63% de cópias do vírus. O estudo publicado na Plos apontou que ambos os mosquitos diminuiram significativamente o vírus em suas glândulas salivares, ondem transmitem para os seres humanos. A modificação, no entanto, só funcinou com a dengue, não funcionando com a chikungunya e Zika vírus.

 

Fonte - Bahia Notícias

Piso salarial dos professores terá reajuste de cerca de 7,5%, calculam entidades

Quinta 12 Jan 2017 - 08h26




Piso salarial dos professores terá reajuste de cerca de 7,5%, calculam entidades

O Ministério da Educação (MEC) deve anunciar nesta quinta-feira (12) o índice de reajuste do piso salarial dos professores de 2017 que, de acordo com cálculos de entidades educacionais, deverá ser de aproximadamente 7,5%. Com isso, o menor salário a ser pago a professores da educação básica da rede pública deve passar dos atuais R$ 2.135,64 para um valor entre R$ 2.285 a R$ 2.298. Uma reunião com com representantes dos estados, municípios e trabalhadores para discutir o assunto está marcada para amanhã. O encontro chegou a ser cancelado, mas foi confirmado na noite desta quarta (11).

O piso salarial dos docentes é reajustado anualmente, seguindo as regras da Lei 11.738/2008, a chamada Lei do Piso, que define o mínimo a ser pago a profissionais em início de carreira, com formação de nível médio e carga horária de 40 horas semanais. Pela lei, o anúncio do reajuste deve ser feito sempre em janeiro. O ajuste deste ano deverá ficar 1,2 ponto percentual acima da inflação de 2016, que fechou em 6,29%.

A reunião é a primeira do ano do Fórum Permanente para Acompanhamento da Atualização Progressiva do Valor do Piso Salarial Nacional, criado em 2015 com o objetivo de discurtir formas mais sustentáveis de pagar os professores. O Fórum é composto por representantes do MEC e por entidades como o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime) e a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE).

 

Crise
Para estados e municípios, em um contexto de crise orçamentária, o reajuste vai pesar nas contas. “Hoje, no Brasil, a grande dificuldade dos estados é conseguir responder às obrigações correntes. Temos pelo menos 15 estados que estão apresentando dificuldade para pagar os salários correntes, alguns precisam de renegociação de dívida com o governo federal”, afirma o diretor institucional do Consed, Antônio Neto. “Os estados estão apresentando dificuldade a qualquer tipo de reajuste do servidor público. Essa questão está diretamente ligada à dificuldade na arrecadação”.

Nos municípios, a situação é semelhante. “Nos dois últimos anos essa questão foi bastante complicada para os gestores municipais. O piso tem crescido, desde a criação, em velocidade maior que a inflação e maior que o crescimento real do Fundeb [Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação]”, diz o presidente da Undime, Alessio Costa Lima. Segundo ele, os municípios deverão apostar na gestão e reorganização das redes de ensino para cumprir o pagamento mínimo.

Para a CNTE, é preciso um esforço dos entes para garantir a qualidade da educação. “Precisa de muita determinação e muito compromisso com a educação por parte dos gestores públicos para entender que não vai ter educação de qualidade se não tiver professores e funcionários trabalhando com um salário decente. O reajuste deve ocorrer mesmo com toda a crise que possa estar acontecendo”, defende o presidente da confederação, Roberto Franklin de Leão.

Novas regras
Nem estados e nem municípios negam a importância do reajuste a da valorização dos professores, fundamentais para a melhoria da qualidade da educação. Os gestores defendem, no entanto, uma revisão da lei do piso, para que haja critérios de reajuste “mais factíveis” aos entes e que permitam um reajuste também para o restante da carreira.

A lei vincula o aumento à variação ocorrida no valor anual mínimo por aluno definido no Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Pela lei, os demais níveis da carreira não recebem necessariamente o mesmo aumento. Isso é negociado em cada ente federativo.

“Defendemos o piso nacional, mas defendemos um mecanismo que seja compatível e tenha sustentabilidade financeira. Algumas possibilidades foram discutidas, mas o cenário econômico é outro e requer sentar à mesa e chegar a um reajuste compatível com a economia”, diz Lima. “Se não estabelecermos fontes claras de financiamento para que possamos organizar a educação do Brasil poderemos perder o bonde da história”, acrescenta Neto.

Já a CNTE defende a manutenção das regras atuais, que favorecem ganhos reais aos professores e a valorização desses profissionais. “De jeito nenhum vamos levar à reunião alguma proposta de mudança da lei”, diz Leão.

Valorização dos professores
Em 2009, quando a Lei do Piso entrou em vigor, o pagamento mínimo para professores passou de R$ 950 para R$ 1.024,67, em 2010, e chegou a R$ 1.187,14 em 2011. No ano seguinte, o piso passou a ser R$ 1.451. Em 2013, subiu para R$ 1.567 e, em 2014, foi reajustado para R$ 1.697. Em 2015, o valor era R$ R$ 1.917,78. Na série histórica, o maior reajuste do piso foi registrado em 2012, com 22,22%. No ano passado, o reajuste foi de 11,36%.

Apesar do crescimento, atualmente, os professores recebem o equivalente a 54,5% do salário das demais carreiras com escolaridade equivalente. A melhoria da remuneração dos professores faz parte do Plano Nacional de Educação (PNE), lei que prevê metas para a educação até 2024. Até 2020, os docentes terão que ter rendimento equiparado ao dos demais profissionais com escolaridade equivalente.

Falta de dados
Não há oficialmente um levantamento que mostre com exatidão o valor da remuneração dos professores da rede pública no país, tanto nos estados, quanto nos municípios. No ano passado, a CNTE divulgou um levantamento no qual mostra que mais da metade dos estados brasileiros não cumpre o salário estipulado na Lei do Piso. Eram 14 os estados que pagam aos professores menos do que os R$ 2.135,64 por mês.

Para buscar mais transparência, o Ministério Público Federal assinou um acordo com o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) para disponibilizar um sistema que estados e municípios possam informar o salário de cada professor. O cronograma para a implementação desse sistema vai até agosto de 2017. Da Agência Brasil.

BA-148: TRECHO LIVRAMENTO/RIO DE CONTAS ENCONTRA-SE EM PÉSSIMAS CONDIÇÕES DE USO E CONSERVAÇÃO

Quarta 11 Jan 2017 - 08h50




BA-148: TRECHO LIVRAMENTO/RIO DE CONTAS ENCONTRA-SE EM PÉSSIMAS CONDIÇÕES DE USO E CONSERVAÇÃO

A Rodovia BA-148, trecho Livramento de Nossa Senhora a Rio de Contas, denominada Estrada Parque Des. Antônio Carlos Souto, construída no final da década de 90, encontra-se em péssimas condições de uso e conservação. A Rodovia é utilizada por muitos veículos da região sudoeste da Bahia e, no verão, por turistas de diversos estados do Brasil que visitam as belezas da Chapada Diamantina e suas tradicionais festas, com destaque para o carnaval. O pavimento da Rodovia apresenta inúmeros buracos, deformações, rachaduras e reparos mal executados com massa asfáltica sobre as juntas de dilatação superpostas (deslocada verticalmente) que estão funcionando como verdadeiros "quebra-molas", fora dos padrões e sem sinalização de advertência indicativa. Ao longo da Rodovia é fácil notar trincaduras, rachaduras e panelas que colocam em risco os veículos e seus passageiros que transitam pelo local. Chama atenção, um bloco da placa de concreto que emergiu próximo à Nega do Zofir, ainda sem sinalização, com risco concreto de causar acidentes e danos aos veículos. Nota-se, também, construções sobre a faixa de domínio da Rodovia e acostamento, sobretudo de rampas de acesso à residências. O Portal Livramento ouviu um engenheiro civil, especialista na construção de estradas, que listou os seguintes problemas:

Infiltrações de água oriundas de minações e rêgos;
Mureta de concreto e pedra arrumada demolidas;
Defendas metálicas danificadas e arrancadas;
Desmoronamento de solo e rocha de taludes laterais a pista;
Sarjetas de drenagem lateral entupidas com solo e tomadas por vegetação rasteira;
Vegetação lateral: arbustos e mato, invadindo a rodovia dificultando a visibilidade;
Sinalizacao vertical inexistente: danificadas e furtadas;
Trincas transversais;
Trincas longitudinais;
Rachaduras;
Juntas de dilatação superpostas: elevada e quebrada;
Placas de concreto totalmente craqueada;
Panelas: bloco da placa de concreto afundado ou removido;
Infiltração e minação de água no pavimento;
Cabeceiras de ponte com abatimento excessivo;




BA-148: TRECHO LIVRAMENTO/RIO DE CONTAS ENCONTRA-SE EM PÉSSIMAS CONDIÇÕES DE USO E CONSERVAÇÃO

Embasa realiza recadastramento da Tarifa Social

Quarta 11 Jan 2017 - 08h27




Embasa realiza recadastramento da Tarifa Social

Os beneficiários da Tarifa Social da Embasa têm até 20 de fevereiro para fazer seu recadastramento junto à empresa e garantir a continuidade do benefício. Os titulares do Programa Bolsa Família devem comparecer a um dos pontos de atendimento da empresa, munidos dos seguintes documentos (cópias e originais): RG, CPF, conta da Embasa e comprovante de saque do Bolsa Família dos últimos 90 dias. Os usuários que não fizerem a atualização no prazo informado terão o benefício suspenso. Voltada para a população de baixa renda cadastrada no programa federal Bolsa Família, a Tarifa Social beneficia atualmente mais de 250 mil usuários na Bahia. O recadastramento visa atualizar o banco de dados da Embasa e garantir a continuidade do benefício para todos que atendem aos critérios cadastrais. Acesse http://www.embasa.ba.gov.br/centralservicos ou ligue para o telefone 0800 0555 195 e verifique a relação de pontos de atendimento.

 

Assessoria de Comunicação da Embasa

COELBA TEM NOVO NÚMERO DE SMS PARA CLIENTE INFORMAR SOBRE FALTA DE ENERGIA ELÉTRICA

Terça 10 Jan 2017 - 09h18




COELBA TEM NOVO NÚMERO DE SMS PARA CLIENTE INFORMAR SOBRE FALTA DE ENERGIA ELÉTRICA

A Coelba, empresa do Grupo Neoenergia, informa aos clientes o novo número exclusivo para o envio de SMS em caso de falta de energia elétrica: 26560Fácil, rápido, seguro e gratuito, o serviço exige que o cliente informe, na mensagem de SMS, apenas o número da conta-contrato disponível na conta de energia. A Coelba aconselha que os clientes mantenham esse novo número de SMS salvo na agenda do telefone, bem como o da conta-contrato anotado no bloco de notas do aparelho, para facilitar a comunicação.

INSS retoma revisão de benefícios; mais de 100 mil são convocados na Bahia

Terça 10 Jan 2017 - 08h42




INSS retoma revisão de benefícios; mais de 100 mil são convocados na Bahia

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) reinicia na próxima segunda-feira (16), o pente-fino nos benefícios. Em todo o estado da Bahia serão revisadas 72.694 aposentadorias por invalidez e 29.730 auxílios doença. O Programa de Revisão dos Benefícios por Incapacidade foi autorizado pela Medida Provisória 767, publicada na sexta-feira (6) em edição extra do Diário Oficial da União. No total, serão chamados 530 mil beneficiários com auxílios que estão há mais de dois anos sem perícia. Destes, 100.170 (19%) estão na Bahia.  A convocação será feita por meio de carta com aviso de recebimento. Após o comunicado, o segurado tem cinco dias úteis para agendar a perícia pelo número 135. O beneficiário que não atender a convocação ou não comparecer na data agendada pode ter o benefício suspenso. Na data marcada para a realização da avaliação, ele deve levar toda a documentação médica como atestados, laudos, receitas e exames. Dados da Previdência Social apontam que a revisam já gerou uma economia de R$ 220 milhões para o Fundo da Previdência. Até 31 de outubro de 2016, foram realizadas quase 21 mil perícias. Desse montante, 16.782 (80,05%) benefícios foram cessados na data de realização do exame; 304 (1,45%) foram encerrados, mas com concessão de auxílio-acidente. Ainda houve 1.520 (7,25%) casos que tiveram data remarcada para cessação; 954 (4,55%) encaminhados para reabilitação profissional e 1.289 (6,15%), transformados em aposentadoria por invalidez.

 

Fonte - Bahia Notícias

Fifa aprova aumento de participantes e Copa do Mundo terá 48 seleções em 2026

Terça 10 Jan 2017 - 08h38




Fifa aprova aumento de participantes e Copa do Mundo terá 48 seleções em 2026

Agora é oficial. Nesta terça-feira (10) a Fifa confirmou o aumento de participantes na Copa do Mundo. A partir de 2026, o maior torneio de futebol do mundo terá a participação de 48 países, que serão divididos em 16 grupos de 3 na primeira fase, com 32 classificados para a fase de mata-mata, que definirá o campeão. “O Conselho Fifa decidiu unanimemente por uma Copa do Mundo com 48 times a partir de 2026: 16 grupos de três times”, anunciou em sua conta oficial no Twitter. Com o novo formato, o torneio sofrerá um aumento de 64 jogos para 80, com quatro confrontos por dia nos primeiros 15 dias do torneio. Apesar da decisão, a Fifa vê dois problemas no formato: o tempo de descanso das equipes e a decisão dos grupos não contar com todos os times jogando simultaneamente, já que um deles sobraria na rodada. Ainda não foram definidas a quantidade de vagas para cada continente e a possibilidade de uma disputa de penalidades em caso de empate na primeira fase.

 

Fonte - Bahia Notícias

Grupo invade banco e lança carro contra viatura da Polícia Militar

Segunda 09 Jan 2017 - 08h37




Grupo invade banco e lança carro contra viatura da Polícia Militar

Criminosos invadiram, na madrugada deste domingo (8), uma agência da Caixa Econômica Federal do município de Itabela, no extremo sul da Bahia. De acordo com o G1, o grupo roubou as armas dos seguranças e na fuga bateram o carro usado na ação contra uma viatura da Polícia Militar. Os quatro suspeitos invadiram a unidade após abrirem uma parede no fundo do prédio. Segundo a PM, eles arrombaram o cofre em que ficam guardados os coletes e armas dos seguranças, mas não conseguiram arrombar os caixas porque o alarme de segurança disparou. Na fuga, os assaltantes foram perseguidos por PMs na BR-101, em direção a Eunápolis. No meio do caminho, eles teriam dado um “cavalo de pau”, lançando o carro contra a viatura. Após a colisão, houve um confronto entre os criminosos e policiais, mas ninguém foi atingido no tiroteio. O grupo fugiu por um matagal e não foi encontrado. O veículo da PM de Itabela foi danificado e, até ser consertado, a cidade solicitou uma viatura de Eunápolis emprestada.

 

Fonte - Bahia Notícias

Jovem espalha fotos da ex-namorada nua no Whatsapp e é morto pelo pai dela

Sábado 07 Jan 2017 - 11h00




Jovem espalha fotos da ex-namorada nua no Whatsapp e é morto pelo pai dela

Um jovem de 23 anos suspeito de espalhar fotos da ex-namorada nua no WhatsApp foi morto pelo pai da garota. O caso aconteceu em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, nesta quinta-feira (5). De acordo com a reportagem, as imagens foram parar na rede social como forma de vingança após a menina de 18 anos se recusar a reatar o namoro. Ao descobrir as imagens da filha, o pai, que também é tio do rapaz, foi até a casa da vítima para tirar satisfações. A tia do jovem chegou a se recusar a abrir a porta, mas o rapaz decidiu encarar o ex-sogro e acabou atingido por golpes de faca. Ele chegou a correr para dentro da casa, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no local. O suspeito de ter praticado o crime fugiu. “Há quatro meses eles terminaram porque a menina viu que o namoro não tinha futuro. Ela queria progredir na vida, trabalhar e estudar, mas o Johnatan não acompanhava. Desde o fim do namoro, que ele não dava sossego para a garota”, contou Valdete Cortez, tia da vítima e irmã do suspeito. “Percebi que meu irmão tinha bebido e pedi que o Johnatan não fosse lá, mas ele não me ouviu. Só escutei o ‘Zé’ perguntando: ‘vai continuar infernizando a vida da minha filha?’. Não sei o que o meu sobrinho respondeu, mas, logo depois, o crime aconteceu”, disse a mulher.

 

Fonte - VCN